quarta-feira, 23 de setembro de 2009

Medicina Energetica - O Futuro chegando

O fato de compreender que nosso corpo físico é um micro universo e que todos os trilhões de células trabalham em conjunto , uma ligada com a outra , numa perfeita harmonia de reconhecimento e interação energética, permite que nossa sensibilidade se amplie de forma total.
Considerando todo isto, podemos analisar alguns casos na luz de estes conhecimentos.
Faz alguns anos, no pais onde eu residia anteriormente (Panamá), tive a oportunidade de atender uma senhora, que conhecendo meu trabalho com medicina energética, chegou ate mim solicitando alguma ajuda para uma dor forte que estava sentindo numa perna.
Logo da conversa de reconhecimento habitual fiz ela deitar na maca e inicie um processo de sentir interno, que em aquele tempo eu chamava de “scanner mental”, este processo (que não uso mais) permitia que eu sentisse as dores e mal estares da pessoa em mim mesmo , imediatamente senti uma forte dor no centro do peito na altura do esterno (pt.wikipedia.org/wiki/Esterno). A dor na perna praticamente não se manifestou pelo que deduzi fosse um problema de tensão na área muscular da perna,coisa fácil e simples de ser solucionada, já a dor no peito era diferente, era forte, constante e parecia que fosse crônico.
Perguntei para ela sobre essa dor tão forte , ela falou que não me preocupasse por isso, que essa era uma dor que ela tinha já faz muitos anos , desde que ela era criança e que já estava acostumada a conviver com ele. Pensei, como era possível que uma pessoa ficasse acostumada a viver com uma dor de essas. Ela me contou que já tinha visitado muitos médicos e que eles tinham falado que estava perfeitamente normal, que não existia motivo para ela ter dor. Assim ela aceito essa dor durante a vida toda. Num caso assim , onde os médicos têm atestado que a pessoa não tem nada fisicamente, só falta ser explorada a parte invisível e procurar a causa profunda de essa dor.
Durante varias sessões tentei encontrar a causa , ate o dia do nascimento, não existia uma causa para essa dor. Tente levar ela para uma auto-regressão , pensei que se essa causa não estava nesta vida, teria que estar na anterior.
Não tive êxito , ate que pedi para ela ir diretamente na vida e no momento em que a causa da dor foi provocada em ela.
Como se fosse um filme se apresentou na minha visão interna uma cena na época dos romanos, ela se encontrava na porta de uma pequena vila, segurava um bebe no colo, vários homens a cavalo , parecendo soldados, e portando lanças chegou perto de ela, um de eles gritou alguma coisa enquanto pegava bruscamente o bebe do colo de ela e jogava ele no chão , logo cravou uma lança no peito do bebe que morreu na hora ante a desesperação e sofrimento da mãe que sentiu como se a lança fosse cravada no seu próprio peito . Tinha inicio uma dor que seria transferida durante varias vidas, ate chegar na atual. A minha cliente viveu novamente tudo isso , chorou muito ate que passou tudo e uma sensação de paz e harmonia invadiu seu coração, compreendeu que o filho que morreu ainda vivia e que era seu próprio filho desta vida que era um rapaz que ela amava. Nunca mais teve dor no peito, o reconhecimento da causa fez o que muitos médicos e tratamentos não conseguiram. Ela me autorizou a contar seu caso , expliquei que ajudaria a outras pessoas a entender os incríveis mistérios da vida. Um tempo depois a encontrei novamente, me comentou que antigamente, quando a dor aumentava , a forma de dissipar essa dor, era pegando uma criança pequena no colo.


Material do Curso de Medicina Energética do PAD , caso você deseje publicar de alguma forma , mencione a fonte na publicação.